23 de mai de 2011

Uma canção

- Por Karol Felicio


Recolhe os cacos do chão, encera (até que brilhe), abre a janela

Na terra: planta, aduba e rega

O sol já vem lhe contemplar.

Emoldura esse sorriso na parede, é sua seta.

São tantos planos, ideias, metas,

Rasgue essa roupa, se liberta!

A engrenagem já está certa.

- agora cante uma canção -

A sensação é de que a vida já começa a funcionar.

6 comentários:

Enovelando minhas Inquietudes disse...

Começar ou a recomeçar!! :D Adorei Karol!!

Karol Felicio disse...

Boa! Re-começa a funcionar! Acho que vou até mudar o texto... rs
Beijos e obrigada

Prussia disse...

Adoro ver esse jardim adubado!!! O bom é que a colheita é coletiva!

Celine Ramos disse...

porque na verdade, a vida não pára, né, flor? A gente que discuida.

Beijão!
(uma flor)

Faiga disse...

Recolhendo os cacos e abrindo a janela, Karol.
Muito obrigada por ajudar mostrando o caminho com tanta poesia...

Karol Felicio disse...

Pru, é verdade, a colheita é sempre coletiva :D

Cel-Linda! Vc está certíssima, a gente é que descuida!

Faiga? Nova por aqui? Fico feliz com seu comentário, fique mais e fique à vontade!

03 Beijos ;)